GALERIA: LANÇAMENTO DE O RÉU E O REI

Como eu contei aqui, ontem foi o lançamento do livro O Réu e o Rei: minha história com Roberto Carlos, em detalhes (Ed. Companhia das Letras), de Paulo Cesar de Araújo. Antes de começar a noite de autógrafos, o autor participou de um bate-papo com o jornalista Mário Magalhães, que apresentou um breve resumo do livro para o público presente – resumo a que Paulo Cesar se referiu como “generoso” – e afirmou achar O Réu e o Rei ainda melhor do que a biografia não autorizada Roberto Carlos em detalhes. Mário introduziu a roda de conversa com perguntas a Paulo Cesar, que disse considerar O Réu e o Rei é um livro improvável, pois jamais imaginaria escrever sobre si mesmo.

– Eu olho para este livro e penso que não era nem para ele existir, só existe porque meu livro anterior foi proibido. E só existe porque foi proibido da forma que foi e com a repercussão que aconteceu. Eu achava que era mais fácil escrever sobre si próprio, mas eu vi que não, é muito mais difícil achar a medida, o tom – explica Paulo Cesar.

Em seguida, foi a vez do público de fazer perguntas ao escritor. O jornalista Geneton Moraes Neto perguntou a Paulo Cesar até que ponto ele considera os problemas que teve na justiça com Roberto Carlos frutos do Transtorno Obsessivo Compulsivo do cantor. O escritor respondeu que esse radicalismo provavelmente é uma soma de fatores como o TOC, a personalidade e a falta de intimidade com a leitura e com pesquisa histórica.

Amigo de Paulo Cesar desde os tempos de faculdade, o jornalista Lula Branco Martins é citado no livro como o responsável por Paulo Cesar ter um dia entrado na casa de Roberto Carlos. O trecho, na página 170, é o seguinte:

“O que eu não podia imaginar era que logo, logo, eu daria um grande salto do passado para o presente, ao ficar cara a cara com o cantor, na sala de estar de sua própria casa. Quem me proporcionou isso foi meu amigo Lula Branco Martins, na época editor da revista Programa, suplemento do Jornal do Brasil”.

Lula conversou com o Paz, amor e lápis de cor a respeito do episódio e disse que já leu O Réu e o Rei três vezes:

– Acho que este livro é uma peça de liberdade para o outro livro [Roberto Carlos em detalhes], ele é o caminho para que o outro livro, que é o mais importante, a biografia de Roberto, fique livre um dia. Acho que lendo este livro, as pessoas vão começar a ver o quão complicada é aquela situação de Roberto Carlos censurar ou não negociar. Porque Roberto fala que não foi censura, que foi um acordo. E foi um acordo, que o Paulo foi quase obrigado a assinar aquele acordo.

Sobre ter sido a porta de entrada para que Paulo Cesar estivesse na casa de Roberto Carlos, Lula afirma que foi uma cena rara, mas que só hoje se dá conta disso.

– Na época eu não tinha muita noção disso. Eu era próximo da assessora de imprensa do Roberto, a Ivone Kassu, e eu e ela vivíamos juntos, ela me dava convites, me levava até a casa de um artista e um dia me levou até a casa de Roberto Carlos. Ele ia fazer um show no Rio, queria ser capa [da revista Programa], eu queria que ele fosse capa e nós estávamos felizes. E eu pensei “vou levar o Paulo”, porque eu sabia que ele estava nessa dificuldade de encontrar o Roberto. Eu não falei para a Ivone que eu ia levá-lo, arrisquei. Mas chegando eu falei que ele ia fazer as perguntas mais históricas e eu as mais factuais do show. Ou seja, ele ia me ajudar, e foi o que aconteceu. Foi uma entrevista bacana, ficamos uma hora e meia com Roberto. Mas, na época, eu não sabia como era raro aquilo, eu achava que era uma coisa quase normal entrevistar o Roberto – lembra.

Também estava lá o jornalista Ruy Castro, que falou com o Paz, amor e lápis de cor sua opinião a respeito da obra O Réu e o Rei.

– Acho [o livro] importante porque estabeleceu realmente um novo parâmetro. Ou seja, este livro é, teoricamente, uma história do próprio autor, mas o personagem, que é o Roberto Carlos, está ali o tempo inteiro e não pode fazer nada contra este livro porque, exatamente pelo próprio parâmetro que ele estabeleceu, não é a história dele personagem, e sim a história do autor. Isso tudo é uma grande bobagem porque, na verdade, não existe essa diferenciação. Se o Roberto Carlos fosse escrever a própria vida, ele teria que falar do Erasmo Carlos, teria que falar da Wanderléa, teria que falar de todos os companheiros dele do iêiêiê, então ele estaria transgredindo o próprio código que ele estabeleceu. Então significa o seguinte: para você escrever um livro, você teria que ser um cara morando numa ilha deserta. Então este livro é importante porque ele quebra realmente uma argumentação falsa que estava sendo estabelecida por Roberto Carlos – explica.

Ruy acha que o Rei não vai se posicionar a respeito do novo livro de Paulo Cesar.

– Ele não dá entrevistas, só conversa com pessoas amigas dele, como o Amaury [Jr], a TV Globo. Ele não permite uma entrevista independente. Sei disso porque tentei durante anos entrevistá-lo e nunca cheguei nem perto. Ele vai falar para um microfone que seja amigável a ele. E isso não é uma entrevista, é uma declaração, um depoimento. Não acho que ele vá falar sobre o novo livro do Paulo Cesar, porque ele não é bobo, viu que só tem a perder com essa história toda. Ele e os amigos dele, Chico Buarque e outros.

Ruy Castro também contou ao blog que está escrevendo um novo livro, mas que ainda não pode adiantar muita coisa, apenas que será sobre uma época importante da música e vida brasileiras e será lançado em 2015 também pela Companhia das Letras.

signature2

Anúncios

Escrito por

Jornalista por profissão, vocação e paixão. ♡

Um comentário em “GALERIA: LANÇAMENTO DE O RÉU E O REI

  1. Pra mim, rei é quem encara falar da falta de liberdade que há nesse pais. Atitude muito necessária e bastante rara ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s