DIAS DE LUTA, DIAS DE GLÓRIA

Entre brigas, confusões, separações e muita poesia e talento, foram ao todo 20 anos da banda santista Charlie Brown Jr, fundada por Alexandre Magno Abrão, mais conhecido como Chorão, único integrante que esteve em todas as formações da banda e, por isso, é o personagem principal do musical Dias de luta, dias de glória, que estreia nesta sexta-feira, 13, no Teatro Gamaro, em São Paulo.

O musical, escrito por Well Rianc e dirigido por Luiz e Bruno Sorrentino, relata, sob a perspectiva de Chorão a chegada do CBJr ao ápice do sucesso, mas não deixa de fora momentos polêmicos da vida pessoal do cantor, que morreu de overdose em 2013.

O rapper DZ6 foi selecionado, num universo de mais de dois mil concorrentes, para viver Chorão, e contou ao Paz, amor e lápis de cor qual a importância deste papel em sua carreira:

DZ6 / Foto: Luís França
DZ6 / Foto: Luís França

– A importância de representar o Chorão hoje é uma das maiores, devido ao fervor dos fãs e devido ao fato da morte dele ser recente, então os fãs estão bem fresquinhos ainda, vamos dizer assim. O que aumenta é a exigência do fã, que vai esperar ver uma coisa realmente muito idêntica. Essas comparações vão ser muito mais férreas. E essa é a nossa responsa, e há a responsabilidade também de estar lidando com um gênero musical de verdade. Estourar uma banda como Charlie Brown Jr não é uma coisa simples. Eles estouraram porque eram extremamente bons. Para conseguir alcançar o patamar que eles chegaram é muito difícil, então Charlie Brown Jr é uma parada muito especial mesmo. É isso, a gente precisa ter total respeito e total dedicação para conseguir fazer o melhor possível, o mais fiel possível ao que era o Charlie Brown Jr e ao que foi o Chorão.

Mas a homenagem não começou aí para DZ6. Ele canta na banda Billy Nuggets, que começou em Santa Catarina e foi para São Paulo com a proposta de fazer um tributo ao Charlie Brown Jr. Com isso, foi descoberto pelos diretores da peça e convidado a interpretar Chorão no palco.

– Este trabalho [no musical], para a minha carreira, é muito mais do que algo superficial ou por dinheiro. Ele alavancou a minha vontade, a minha coragem, a minha fé em mim mesmo, no meu potencial e aonde a gente pode chegar, tá ligado? Significa uma oportunidade imensa, gigante, de poder mostrar nosso valor de um trampo que a gente já está fazendo há um tempo e culminou com a parada do musical.

O próximo passo da Billy Nuggets (que agora também se chama DZ6, e que toca no musical) é lançar “os próprios sons”.

– A gente já tem vários sons próprios que vamos retrabalhar. É a mesma vibe do Charlie Brown Jr. Inclusive, vários fãs do CBJr já são nossos fãs porque sentem que a gente está dando continuidade para toda essa parada. A ideia é usar o musical de uma forma respeitosa, para a gente também poder alavancar o nosso som próprio e poder mostrar nosso valor no mercado.

Como não é ator, DZ6 precisou estudar muito para viver o líder da banda que conquistou tantos fãs com músicas que misturavam diversos ritmos – o que eu chamo de skate rock -, mas garante que teve todo o apoio que precisou.

– Para poder chegar a este ponto [ser ator], tive todo o apoio da produção. E a gente teve preparação musical com o Cadu Witter, que estava junto na produção do musical, nas cenas, junto da gente, e também do Bruno Costa. Falando de dois monstros assim, tá ligado? O resultado só pode ser bom. Então, se ficou bom, é porque a gente teve profissionais de ótima categoria envolvidos e ajudando a gente, não só eu como todos da peça, a chegar o mais próximo possível de representar a banda, as ex-mulheres do Chorão…

A atriz Carol Oliveira, que interpreta Thais, primeira mulher do músico e mãe de seu filho, Alexandre, contou ao Paz,amor e lápis de cor que teve a oportunidade de conhecê-la pessoalmente, o que ajudou a desenvolver a personagem com propriedade.

Foto: Luís França
Carol Oliveira / Foto: Luís França

– Conversei bastante com ela, peguei alguns trejeitos. Ela me contou várias histórias, o que me ajudou a entender melhor como era a relação dos dois [dela e de Chorão], para que eu pudesse conseguir passar ao público tudo com a maior realidade possível.

Patrícia Coelho interpreta Gabriela, uma personagem fictícia que representa todas os relacionamentos amorosos que passaram pela vida de Chorão.

Acostumada a fazer aulas de ballet, sapateado e canto, ainda assim Carol considera o musical um desafio.

– É um universo completamente novo para mim, e que eu estou amando descobrir. Eu já fazia aulas de canto, porque sempre gostei muito de cantar e já tinha interesse em musicais, mas agora intensifiquei ainda mais as aulas, principalmente para me dar segurança no palco.

A atriz ainda conta que Chorão foi uma das primeiras pessoas que a incentivaram a cantar e a compor.

– Foi quando ouviu uma música que eu fiz de brincadeira. Então, poder estrear cantando no palco em uma homenagem a ele é uma honra.

 Dias de luta, dias de glóriaZoio de LulaProibida pra mim e Meu novo mundo são algumas das faixas que serão representadas no musical. As favoritas de Carol são Pontes indestrutíveis e Senhor do tempo.

Para DZ6, a relevância das biografias musicais para a cultura brasileira é uma das maiores, mas critica a cultura da música no país:

– A cultura brasileira é um lance pouco incentivado, né… Como investem pouco e valorizam pouco a música no Brasil, esse tipo de coisa [biografias musicais] acabam expandindo os horizontes para pessoas que não conheciam o trabalho, que não conheciam a vida do Chorão, e isso com certeza acaba ajudando e incentivando que se prolifere este tipo de cultura. O que a gente tiver para agregar no cenário musical, melhor, porque aqui no Brasil é defasada essa parada.

Dias de luta, dias de glória fica em cartaz no Teatro Gamaro, em São Paulo, até o dia 12/07. No segundo semestre, o espetáculo deve vir para o Rio. Classificação etária: 12 anos.

signature2

Anúncios

Escrito por

Jornalista por profissão, vocação e paixão. ♡

2 comentários em “DIAS DE LUTA, DIAS DE GLÓRIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s